A Web Rádio

                                                       http://www.studiowebradio.com/




Saudade E História

Em meados do ano de 1986 surge na cidade de Ribeirão Preto (cidade em que sou nascido e criado) algo que, até então, era novidade por aqui. Tratava-se de uma emissora de rádio que operava na freqüência modulada de 92,3 MHz, cujo nome era STUDIO 92 FM. Tratava-se de uma emissora que se fazia diferente de todas as demais por sua programação musical muito bem elaborada no segmento de Orquestras e Solistas, a apresentar um tipo de programação específica para cada momento e horário do dia. Após uma seqüência de três músicas, entrava o locutor e anunciava, pausadamente, o que havia sido tocado, após o que tínhamos algumas poucas e selecionadas inserções promocionais, até que então o locutor retornava apenas para anunciar o nome da emissora com seu slogan e a hora certa a fim de que uma nova seqüência musical começasse a ser reproduzida. Assim o locutor dizia com aquela voz possante, porém, suave: “Studio 92, FM primeira classe. – Tantas horas e tantos minutos”. Era realmente uma emissora de classe e categoria. Aliás, que categoria! De hora em hora tínhamos um boletim noticiário e o prefixo da emissora sendo este na voz padrão de Rolando Marques (o mesmo que fazia a abertura dos programas). A programação musical vinha toda gravada de São Paulo em fitas de carretel, mas a apresentação era local. Dentre alguns dos locutores que passaram pela emissora, recordo: Drausio Mauro, João Bosco, Carlinhos Caparelli Jr., Mauro André e Hélio Miranda. Todos estes donos de vozes que qualquer pessoa que sabe apreciar uma bela voz invejaria ter. Mas a emissora não exibia apenas Orquestras, de forma alguma. Entre meia noite e seis horas da manhã, era o momento de um esquema de músicas vocalizadas românticas numa programação feita com o mesmo critério e a mesma qualidade da programação instrumental diurna. Nunca houve além da Studio aqui nesta cidade alguma outra emissora em freqüência modulada que, na minha singela opinião, pudesse ser comparada a esta. A Studio 92 FM de Ribeirão Preto era uma filial de uma outra emissora da capital paulista, a saber: A Scala 99 FM, que tinha os mesmos programas com a mesma forma de apresentação. Eram emissoras do Grupo Diário Do Grande ABC, que além da Studio 92 de Ribeirão Preto, contava ainda com outra filial em Curitiba-PR (a Scala 92 FM) e, por ultimo, ainda chegou a ter uma em Belo Horizonte-MG (a Scala 88 FM). A saudade que a Studio FM deixoou para mim após ter encerrado suas atividades e transmissão é algo que pode ser comparado a poucas coisas na vida, pois, a emissora era, para mim, como o ar que eu respirava. Foi com a Studio que aprendi a conhecer as maravilhosas orquestras com seus magníficos arranjos e estilos e, por conseguinte, gostar tanto de música orquestral, de modo que devo a esta extinta emissora todo o agradecimento daquilo que é hoje o grande hobby de minha vida. O triste fato do encerramento das atividades e transmissão da tal emissora deu-se precisamente na data de 29 de janeiro de 1993, na passagem para o dia 30. Quem quiser poderá ouvir abaixo a gravação deste momento, quando foi exibida uma gravação de despedida da emissora na voz de Veranice, depois a música “Serenata” de Shubert, seguida da ultima exibição do prefixo.